Veja como estudar em qualquer universidade do mundo.

Updated: Feb 15, 2019



Com uma projeção de pelo menos 2000 alunos para o ano de 2019, a WorldEd International School propõe o currículo inovador que eleva os alunos de escolas particulares brasileiras ao status de alunos internacionais. Este movimento é consequência da proposta de valor da WorldEd em democratizar a educação internacional e possibilitar aos brasileiros uma maior abertura de mercado tanto no quesito acadêmico como profissional.

Este movimento vai de encontro com uma mudança de paradigma das Universidades particulares em seus processos seletivos, que passam a permitir ao aluno não só a entrada pelas vias convencionais (Enem, vestibular), mas também pelo SAT ou ACT, que são provas internacionais aceitas por várias universidades ao redor do mundo. Estas provas tem por objetivo determinar se os alunos estão preparados para a faculdade, testando habilidades chave como compreensão de escrita, claridade de expressão, capacidade de raciocínio, etc.

“Ao se formar no currículo internacional, o aluno brasileiro estará preparado para estudar em qualquer universidade do mundo, incluindo as brasileiras” – diz Juliana Frigerio, Diretora Pedagógica da WorldEd.

Esta afirmação fundamenta-se no manual do candidato, pela Universidade Getúlio Vargas:

“... Caso o candidato tenha realizado exames de admissão universitária internacionais, tais como SAT, Abitur, International Baccalaureate (IB) e Baccalauréat (Bac), poderá utilizar a nota obtida para pleitear uma vaga na Graduação de Relações Internacionais da FGV...”

Hoje em dia não faz mais sentido se preparar unicamente para o vestibular, pois o mundo está de portas abertas aos alunos brasileiros, oferecendo-lhes grandes oportunidades para ter mobilidade. Os EUA estão no topo da lista de universidades internacionais que aceitam alunos através do SAT ou ACT, mas definitivamente não são os únicos! Outras universidades ao redor do mundo também se baseiam nas provas de SAT no processo de avaliação dos alunos, em países como o Canada, Alemanha, Suíça, Holanda, e até Israel.

Além da graduação, os estudantes podem ainda procurar um curso de pós-graduação internacional. Universidades renomadas chegam a realizar feiras e eventos para divulgar as oportunidades ao público brasileiro, com concursos para bolsas e informações sobre os processo seletivos. Representantes convidados inclusive conversam pessoalmente com os estudantes para apresentar suas instituições.

Mas para muitos processos internacionais, não basta passar pelo SAT ou ACT; as universidades também cobram testes de proficiência inglesa, como o famoso TOEFL, o exame mais popular para estudantes internacionais. Ele é exigido por mais de 2.400 faculdades e universidades nos Estados Unidos e no Canadá!

Então como preparar os estudantes, tanto em conteúdo, quanto em proficiência inglesa, para terem maiores oportunidades? A WorldEd International School responde a essa questão oferecendo um currículo americano oficial integrado ou não à grade curricular da escola. Isso possibilita não só uma formação acadêmica americana, como a consequente fluência da língua Inglesa e até o diploma de High School americano. Os estudantes ficam preparados não só para os estudos no Brasil, mas também para todas as possibilidades internacionais e desafios do Séc. 21.


#highschool #escolainternacional #worlded #educação #bilingue #inglês #estudarnoseua

23 views
<- Language Selection
Support
Accreditation
Membership
Standards